Saltar al contenido

Perguntas frequentes

1. O que é a rinite alérgica?

A rinite alérgica é uma doença inflamatória da mucosa nasal. É uma das doenças crónicas mais frequentes a nível mundial, estimando-se que atinja entre 10 e 20% da população mundial. Associa-se à conjuntivite, à sinusite e à asma; quando não é tratada e/ou não controlada, contribui para uma maior gravidade e perda de controlo da asma3.

2. Quais são os sintomas da rinite alérgica?

Clinicamente caracterizada pela presença de um ou mais dos seguintes sintomas:

  • Rinorreia aquosa (anterior ou posterior).
  • Crise de espirros.
  • Prurido nasal.
  • Congestão nasal.

Associada, na maioria dos casos, a sintomas oculares (prurido, lacrimejamento, olho vermelho)3.

3. O que fazer perante a suspeita de uma rinite alérgica?

Ante uma consulta por suspeita de asma, o especialista avalia três aspetos: o quê, o como e o porquê.
O quê refere-se ao facto de os sintomas serem efeito de uma rinite simples, de uma outra doença mais generalizada ou da existência de demais complicações. Em cada paciente, de forma individual, realiza-se o chamado diagnóstico diferencial, que consiste em descartar outras doenças que possam criar confusão. Para isso, realizam-se várias análises e testes individuais, de acordo com o quão claros e típicos são os sintomas.

O como refere-se à gravidade dos sintomas, avaliando-se muitos aspetos, tais como, a frequência dos sintomas, sua duração, sua intensidade, resposta aos tratamentos, repercussão na vida diária, perda de dias de escola ou de trabalho, evolução ao longo do tempo, etc.

O porquê refere-se à identificação dos causadores e dos desencadeantes dessa rinite15.

4. De onde vêm os alergénios?

Existem diversos tipos de alergénios identificados, dos quais estes seis grupos são os mais frequentes: o pólen das plantas; os ácaros no ambiente da nossa casa; o bolor nos espaços quentes e húmidos, tanto interiores como exteriores; a caspa animal contém alergénios também; e os medicamentos e alimentos16.

5. Quanto tempo dura um episódio alérgico?

Se for sensível a determinado pólen, a reação alérgica durará apenas o tempo de polinização da planta (ou plantas) envolvida. Repete-se todos os anos na mesma época. Se for sensível a alergénios não sazonais, geralmente nos interiores (pó, bolor, ácaros, pelo de animais, etc), os sintomas podem estar presentes todo o ano17.

6. Quais podem ser as consequências da rinite alérgica?

A rinite alérgica não é uma doença grave em si mesma, mas as suas consequências podem ser incapacitantes, no dia a dia É a causa da fadiga, dos transtornos do estado de ânimo, dos transtornos do sono, da diminuição do rendimento profissional ou académico17.

7. Como curar a minha alergia?

Se os conhecer, o primeiro passo é evitar o contacto com os alergénios a que é sensível4.

Recursos de informação

Infografias

Vídeos

Coisas que tem em casa e que favorecem a alergia

Alergia ao pólen? 7 conselhos para reduzir os sintomas

O que devo levar na mala se tiver alergia?

Conselhos para conduzir apesar da alergia

Como Zyrtec pode ajudar na sua alergia

Alergias a gramíneas: dicas para combatê-las

Rinite Alérgica: sintomas e tratamentos

Recomendações para minimizar os sintomas de alergias no outono

Guias