Skip to content

Como é que os géis hidroalcoólicos e as máscaras afetam as pessoas com dermatite atópica?

A Covid-19 provocou muitas mudanças nas nossas vidas. Entre as mais significativas do dia a dia estão a lavagem frequente das mãos e o uso generalizado de máscaras como sistemas de proteção individual. Estas precauções são fundamentais para travar a propagação do vírus, mas causam um verdadeiro desconforto nas pessoas com dermatite atópica. Lavar as mãos em excesso ou usar máscara durante várias horas pode provocar irritações na pele saudável, mas se falarmos de patologias como a dermatite, os problemas acentuam-se. Através de alguns conselhos explicamos como minimizar as reações.

Que a pele atópica sofre com o uso da máscara?

Nos últimos meses, a máscara tornou-se um acessório imprescindível e obrigatório na grande maioria dos países europeus. Isso significa que muitas pessoas têm de a usar durante várias horas, sobretudo se falarmos de locais de trabalho e espaços fechados.

Os especialistas em dermatologia têm vindo a observar desde há alguns meses um aumento considerável de casos de dermatite no queixo, lábios, nariz e bochechas, diretamente relacionados com o uso de máscaras. Se falarmos de pessoas com dermatite atópica, os problemas são piores. O aparecimento de surtos ou eczemas deve-se a três fatores muito específicos:

  1. A fricção do tecido da máscara na pele.
  2. A humidade que é gerada na zona coberta devido à própria respiração.
  3. O aumento da transpiração.

Se sofrer de dermatite atópica, estes conselhos podem ajudar a aliviar as reações que a máscara gera:

Cuidado com a colocação. As pessoas com peles atópicas não devem utilizar máscaras muito justas ao rosto e é conveniente que os elásticos das orelhas estejam o mais frouxos possível. Para minimizar o atrito, pode aplicar um pouco de vaselina neutra nas zonas mais afetadas.

Qual a máscara mais adequada? A recomendação da DGS pede que se utilize máscaras certificadas, quer sejam cirúrgicas, comunitárias ou FFP2. No entanto, as pessoas com dermatite atópica podem ver a sua patologia especialmente agravada devido ao uso destas máscaras. Se possível, devem utilizar máscaras de algodão, muito mais suaves e, portanto, respeitadoras da pele.

Higiene facial diária. A higiene e a hidratação são fundamentais nestes casos. Realizar uma boa rotina facial antes de se deitar ajudará a deixar a pele fresca e livre de impurezas no final do dia.

Adeus à maquilhagem. Os especialistas não recomendam o uso de maquilhagem juntamente com a máscara. Embora existam produtos de beleza mais naturais, a pele não respira da mesma forma e, com a máscara, só acentua o problema.

Como cuidar da pele após o uso de géis hidroalcoólicos?

O gel higienizante é um produto antissético que cria uma barreira protetora contra as bactérias ou outros microrganismos. Em geral, deve procurar produtos que tenham uma concentração alcoólica de cerca de 70%, já que são os mais eficazes.

O uso desta solução desinfetante, que já faz parte da nossa rotina diária, é uma alternativa à lavagem das mãos, porém não é recomendável substituí-la e é preferível, sempre que possível, lavar as mãos com água e sabão. Em pessoas com problemas de dermatite, o uso abusivo deste produto pode causar verdadeiro desconforto, agravando os sintomas habituais das peles atópicas como secura, descamação ou irritação.

Para evitar que a pele das mãos não sofra excessivamente, pode realizar alguns hábitos simples:

  1. Como lavar as mãos? Utilizar sempre sabão de pH neutro e água morna. As temperaturas extremas, tanto frias como quentes, são muito prejudiciais para as pessoas com dermatite atópica.
  2. Secagem das mãos, parte fundamental. Deverá ser feita sem esfregar e apenas por contacto, para não alterar mais a pele.
  3. Cremes e loções hidratantes. No final do dia é importante aplicar um creme hidratante e emoliente nas mãos, que ajude a equilibrar e hidratar a barreira cutânea.

Se os desconfortos ou sintomas na pele forem exagerados e fora do comum, será necessário procurar um dermatologista para fazer um diagnóstico adequado e aplicar o tratamento de acordo com o problema.

Dermatite atopica geis hidroalcoolicos e mascaras

PT-P-ZI-ALY-2100009

Deve ler cuidadosamente todas as informações constantes da embalagem do medicamento e do seu folheto Informativo e, em caso de dúvida ou de persistência dos sintomas, deve consultar o seu medico ou farmacêutico.